if 02

 

Boletim Bibliográfico nº 2 de 2022 do Arquivo Diplomático e Biblioteca do Ministério dos Negócios Estrangeiros

A Divisão de Arquivo e Biblioteca do Ministério dos Negócios Estrangeiros informa que se encontra disponível para consulta o Boletim Bibliográfico do MNE n.º 2 de 2022. Para aceder ao Boletim, clique aqui.

   

 

Prémio Aristides de Sousa Mendes da Associação Sindical dos Diplomatas Portugueses

 

Encontra-se aberto, até 31 de março de 2022, o concurso para atribuição do Prémio Aristides de Sousa Mendes da Associação Sindical dos Diplomatas Portugueses para o melhor artigo académico original sobre política externa e diplomacia portuguesa.

Para mais informações

 

Prémio RADI para a Investigação 2022 – 6ª edição

if 02

Estão abertas as candidaturas para a 6.ª edição do Prémio RADI para a Investigação (2022). A Rede de Arquivos Diplomáticos Iberoamericanos (RADI) abre o processo de candidatura a todas as investigações – individuais ou colectivas – cujo tema esteja directamente relacionado com a história das relações diplomáticas no espaço ibero-americano. Essas investigações devem incluir a consulta de documentos constantes nos arquivos diplomáticos da região. 

As candidaturas estão abertas até 31 de Maio de 2022 e o prémio para a investigação vencedora será de US$2500 (dólares norte-americanos). Poderão ser atribuídas menções honrosas, sem compensação monetária. 

O objectivo do Prémio RADI para a Investigação é estimular a investigação, nos países da América Latina e da Península Ibérica, sobre a história das relações diplomáticas internacionais. Assim, pretende-se reconhecer aqueles que se dedicam a este tipo de investigação e ao mesmo tempo contribuir para a formação de mais investigadores.

Para mais informações consulte aqui 



   

 

DOS ROMANOV A LENINE

Relatórios de Jaime Batalha Reis Sobre a sua saída da Rússia em 1918

 

Realizou-se no dia 21 de Novembro,  na Biblioteca da Rainha, a sessão de apresentação da obra DOS ROMANOV A LENINE - Relatórios de Jaime Batalha Reis sobre a sua saída da Rússia em 1918, uma iniciativa daa Associação dos Amigos do Arquivo Histórico-Diplomático e do Instituto Diplomático, com o apoio do Instituto de História Contemporânea, editada pela Abysmo.

A sessão foi presidida pelo Embaixador José de Freitas Ferraz, que abordou a figura de Batalha Reis na sua vertente diplomática, e contou com comunicações da Professora Teresa Pinto Coelho e do Professor Pedro Aires Oliveira que, de modo detalhado, traçaram um retrato de Jaime Batalha Reis, personalidade multifacetada, referindo algumas das suas missões mais importantes enquanto diplomata e as suas actividades em muitas outras áreas do saber, nomeadamente científicas, em que Jaime Batalha Reis teve também acção de relevo.

 

Recuperação da Documentação do século XVIII e XIX pertencente ao Arquivo Histórico Diplomático



Responsável pelo projecto: Dra. Margarida Lages

Entidades participantes:
Associação dos Amigos do AHD
Instituto Diplomático
Salvarte


Apoio: Fundação Gulbenkian

Resumo

O projecto, apresentado pela Associação dos Amigos do Arquivo Histórico-Diplomático em parceria com o Instituto Diplomático foi aprovado pela Fundação Gulbenkian, no âmbito do concurso de Recuperação, Tratamento e Organização de Acervos Documentais. .
Os documentos que agora poderão ser restaurados são fontes únicas para não só para o estudo das encomendas artísticas de D. João V como também para a história da diplomacia portuguesa desse período. Do vasto espólio existente no Arquivo Histórico-Diplomático, destaca-se a correspondência de Francisco Mendes de Góis, agente da corte portuguesa em Paris no reinado de D. João V. Encarregado das encomendas régias, passaram por si algumas das encomendas mais importantes da época, nomeadamente aquelas que seriam integradas na Patriarcal, em Mafra e ainda a célebre encomenda de gravuras à Mariette ou a baixela Germain.

Siga o Desenvolvimento do projecto.